Brasília ganha centro de distribuição da Amazon

A unidade de Santa Maria é vista como fundamental na expansão dos serviços de entrega da Amazon no Brasil


O Distrito Federal se firma no mercado como importante centro logístico brasileiro com a chegada de um dos três novos centros de distribuição anunciados nesta segunda-feira (9) pela gigante norte-americana Amazon. A expansão da empresa em território nacional vai criar cerca de 1,5 mil empregos diretos com o início das operações nas unidades de Santa Maria (DF), Betim (MG) e Nova Santa Rita (RS).

A unidade de Santa Maria é vista como fundamental na expansão dos serviços de entrega da Amazon no Brasil. As três unidades anunciadas se juntam às cinco já em operação no país – quatro em São Paulo (em Barueri e Cajamar) e uma em Pernambuco (Cabo de Santo Agostinho) – e garantem uma capilaridade capaz de realizar entregas em até dois dias para os clientes do serviço Prime em 500 municípios, número que deve aumentar com a atuação dos novos centros de distribuição. O secretário de Economia, André Clemente, ressalta que a instalação de uma unidade da Amazon em Santa Mara amplia a presença do DF como centro logístico nacional, já que a capital federal tem o único aeroporto brasileiro com duas pistas em operação simultânea, ligado a todas as capitais do país – além de excelente malha rodoviária, mão de obra capacitada e competitividade fiscal. “O Distrito Federal, com esses investimentos e outros que já vieram, define-se como grande polo logístico e do e-commerce da América Latina”, avalia. A expectativa do GDF é que, para cada emprego direto gerado, outros três possam ser criados de forma indireta na cadeia fomentada pela gigante americana.  Com os novos centros de distribuição no Distrito Federal, Rio Grande do Sul e Minas Gerais, a Amazon abrirá postos de trabalho responsáveis pela seleção dos produtos, embalagem e envio dos pedidos dos clientes, ajudando a garantir que as pessoas recebam seus itens dentro do prazo estabelecido e de maneira confiável.

Foto: Divulgação/Amazon

Fonte: Agência Brasília

10 visualizações