Google libera todas as ferramentas do Meet gratuitamente para usuários

Ferramenta agora permitirá que qualquer pessoa faça encontros virtuais com até 100 pessoas simultaneamente, sem limite de tempo


O G Suite vai disponibilizar o Google Meet de forma gratuita para todos. A partir do começo de maio, famílias, amigos, médicos, terapeutas e educadores poderão se manter conectados gratuitamente por meio do aplicativo durante esse período de distanciamento social.

Além dos mais de 2 bilhões de usuários do Gmail em todo o mundo, qualquer pessoa que tiver uma conta de email, de diferentes provedores, poderá aproveitar as funcionalidades avançadas que a solução oferece, de forma fácil, segura e confiável, tanto em desktops, quanto em dispositivos Android e iOS.

Os usuários poderão fazer encontros online com até 100 pessoas conectadas simultaneamente, sem limite de tempo (após 30 de setembro, a duração será ajustada para um máximo de 60 minutos). Para isso, basta ter uma conta do Google. As videoconferências contam com as ferramentas do Meet, como modo de exibição dos participantes em blocos expandidos, legendas automáticas ao vivo – por enquanto, disponíveis em inglês.



Empresas de todos os setores, como saúde, varejo e finanças, além de áreas como a educação e o setor público, estão recorrendo à tecnologia neste momento de isolamento. Agora, qualquer usuário poderá ter as facilidades e proteções que o Meet oferece. “Estamos no meio de uma mudança mundial muito significativa, que afeta a comunicação nos locais de trabalho e nas escolas, entre outros momentos e situações. As pessoas querem ferramentas fáceis de usar, e seguras, para que possam utilizar em diversas situações do dia a dia”, explica Javier Soltero, VP de G Suite.

Recentemente, foram anunciadas melhorias como a detecção e diminuição de ruídos externos nas chamadas por vídeo, o ajuste automático de iluminação, entre outras novidades que poderão ser usufruídas por todos.

É possível acessar o Meet diretamente pelo link meet.google.com, fazer o download do aplicativo via iOS ou Android, ou até agendando uma reunião pelo Google Calendar, e entrar na ligação diretamente pelo Gmail.

2 visualizações